sábado, 9 de fevereiro de 2013

Neymar a caminho de se tornar um novo Robinho

Já estou defendendo isso há dois anos, desde que começaram a dizer que o brasileiro é melhor que Messi. Isso é puro "patriotismo" idiota. Até o meu maior ídolo do esporte @Pelé me deixou constrangido dizendo que o atacante do Santos é melhor que o argentino.

Messi é muito melhor que Neymar a começarpela humildade. Mas neste texto não quero comparar os dois, como não compararia Maradona e Pelé.


O cara ainda fica ofendido quando falam que ele está supervalorizado. Pura verdade. Quando for para a Europa, se não mudar drasticamente de comportamento e apurar sua técnica, vai patinar, patinar e acabar como mais uma promessa que não vingou; como Robinho e Pato.

Como já escrevi uma vez há seis meses, Neymar para mim não passa de um novo Robinho, ou novo Denílson. Aquele jogador que tem potencial para se tornar uma estrela mundial, mas que cai no próprio orgulho e vira mais um na multidão. Até acrescentaria Pato nesta lista, mas ainda acho o novo corintiano ainda melhor que o santista, pelo menos "menos pior".

Enquanto Neymar for a grande sensação da seleção, ainda estarei apostando em um novo Maracanazzo. E não duvido nada Messi brilhar por aqui e passar a ser endeusado pelos jovens torcedores como o melhor jogador da história do esporte bretão.

Há opções?
A verdade é que o Brasil está com uma safra horrível e os melhores atacantes do país ainda são os veteranos Luis Fabiano e Fred. Eu mesmo não sei como eu escalaria minha seleção hoje. Mas isso é assunto para outro post.

Acho que já está na hora de Neymar ser deixado de lado, se bem que isso diminuiria ainda mais sua experiência internacional, mas a verdade é que todas as vezes que ele deveria brilhar como estrela jogou como menino: Barcelona, Alemanha, Holanda, México, Paraguai, Argentina, Argentina...


Nenhum comentário:

Leia Também

Os internautas também curtiram